VMware Fusion 6

8 09 2013

Foi disponibilizada nos últimos dias a versão 6 do VMware Fusion.

Para os actuais utilizadores de versões anteriores é mostrado um alerta de actualização. As melhorias estão sobretudo relacionadas com a compatibilidade com os novos sistemas operativos OS X Mavericks e Windows 8.1, optimização para os últimos Macs, para além das habituais melhorias relacionadas com a performance. Ao todo são cerca de 50 melhorias.

 

5555

Leia o resto deste artigo »





Windows – Pasta VirtualStore

1 05 2013

imageNo Windows Vista e 7, a pasta VirtualStore é uma pasta especial que pode ser utilizada pelo sistema operativo por razões de segurança, quando um processo ou aplicação tenta gravar dados em pastas protegidas e sensíveis, como por exemplo a pasta e sub-pastas em C:\Programas, sem que o utilizador ou aplicação tenha os privilégios necessários para esse efeito. Neste caso os dados são redireccionados automaticamente para a VirtualStore localizada em C:\Users\XXXXXXXX\AppData\Local\VirtualStore.

 

 

Isto pode levantar vários problemas, especialmente se o utilizador não estiver familiarizado com este comportamento. Como exemplo a aplicação X escreve o ficheiro A na localização por defeito, em c:\programas, e o mesmo ficheiro na pasta VirtualStore. O utilizador não tendo conhecimento deste comportamento altera o ficheiro A em C:\Programas, no entanto a aplicação lê o ficheiro que está na VirtualStore. Deste modo o utilizador pode ser induzido em erro, uma vez que pode estar a abrir ou a alterar um ficheiro numa determinada localização, quando na realidade o ficheiro que está a ser utilizado pela aplicação está na VirtualStore.

 

Pasta VirtualStore no Windows 7

1

 

Leia o resto deste artigo »





Nova versão do VMware Fusion disponível

24 08 2012

VMware-Fusion-5-Box-Small-300x300A chegada de novos sistemas operativos, como o Windows 8 e OS X Mountain Lion, e a recente actualização da linha de portáteis da Apple, com ecrã Retina, são alguns dos factores que estão a impulsionar uma nova guerra entre as aplicações de virtualização para MAC.

 

 

A recente versão 5, do VMware Fusion traz consigo cerca de 70 funcionalidades, destacando-se como referido anteriormente, a optimização e suporte para os novos sistemas operativos, uma melhor performance com ganhos até 40%, suporte para USB 3 e ganhos de eficiência energética que melhoram a autonomia dos portáteis.

 

1

 

O upgrade pode ser feito de forma gratuita para utilizadores que tenham comprado a versão 4 após 25 de Julho de 2012. Os utilizadores do Parallels que queiram migrar para o Fusion têm um desconto de 50% no preço. Para os restantes, o valor é de 44.99 Euros. Poderá testar a aplicação de forma gratuita, durante 30 dias, antes de proceder à compra.

 

 

Windows 8 a correr dentro do OS X Mountain Lion

1

Leia o resto deste artigo »





VMware Fusion actualizado para a versão 4.1.2

18 04 2012

A VMware actualizou no passado dia 13 de Abril o Fusion, aplicação de virtualização para a plataforma MAC OS X, para a versão 4.1.2. Esta actualização vem corrigir cerca de 20 anomalias, e é gratuita para os actuais clientes da versão 4.

 

Untitled

 

Leia o resto deste artigo »





Microsoft Loopback Adapter

1 01 2012

 

Windows 7 Network Basic Network Commands and their Usage [Introduction]O adaptador de rede Microsoft Loopback é um adaptador de rede virtual, que permite simular um adaptador de rede real e com isso uma ligação de rede. Este é um recurso muito interessante para utilizar em cenários de virtualização onde é necessária comunicação entre uma máquina real e uma virtual, ambientes de testes e estudo, ou mesmo quando alguma aplicação ou serviço, necessita de encontrar uma ligação de rede, activa, no processo de instalação ou para  seu normal funcionamento.

 

 

Como instalar o Microsoft Loopback Adapter?

No Windows 7 para iniciar o assistente de instalação de novo hardware execute o comando: hdwwiz na caixa de pesquisa do Menu Iniciar

 

No Windows XP: Menu Iniciar > Definições > Painel de Controlo > Adicionar hardware.

image

 

Leia o resto deste artigo »





VMware Fusion 4.1.0

19 11 2011

 

Cerca de dois meses após o lançamento do VMware Fusion 4, surge agora a versão 4.1 que traz uma série de melhorias. A possibilidade de colocar uma máquina virtual em full screen nativo do Lion e uma melhor integração em sistemas com mais de um monitor são algumas das grandes novidades.

 

Aumentos na performance, a possibilidade de arrancar com uma máquina ao executar o VMware e o suporte ao FileVault 2 são novas funcionalidades que certamente vão agradar a muitos utilizadores.

 

A atualização é gratuita para utilizadores da versão 4.

Untitled

Leia o resto deste artigo »





VMware actualiza VMware Fusion para a versão 4

30 09 2011

6a00d8341c328153ef01539195bea6970b-800wi

A VMware lançou à poucos dias a versão 4 da sua aplicação de virtualização para o Mac OS X. Esta versão foi preparada tendo em conta o recente lançado OS X Lion, e tem, segundo a VMware, cerca de 90 novidades, sendo que o aumento significativo da rapidez e a integração em pleno com o OS X Lion são as mais notórias.

 

 

Esta disponível uma versão de avaliação de 30 dias para que possa testar o produto antes de o comprar. Os utilizadores do VMware Fusion que tenham comprado a versão 3 entre 20 de Julho e até 30 de Setembro de 2011 podem actualizar para a versão 4 sem custos extra. Para os restantes e novos utilizadores, o valor da licença de utilização é de cerca de 49,99 Dólares (cerca de 37,45 Euros).

 

 

Windows XP Pro a correr o ERP Primavera V8 no OS X Lion

Untitled

 

 

Requisitos mínimos para instalar o VMware Fusion 4:

  • Processador Intel de 64 bits  (Compatível  com Core 2 Duo, Xeon, i3, i5, i7 ou superior)
  • Mínimo de 2GB de RAM (4GB ou mais recomendado)
  • 750MB espaço livro em disco para o VMware Fusion e no mínimo 5GB para cada máquina virtual
  • Mac OS X 10.6.7 ou superior; OS X Lion recomendado

 

Leia o resto deste artigo »





Aplicações Grátis e Essenciais para Empresas

11 07 2010

image Lista de aplicações e serviços gratuitos e essenciais para empresas (lista em constante actualização). Sugestões de outras aplicações a incluir neste post deverão ser colocadas nos comentários.

 

Em caso de dúvida, sobre os termos de utilização de cada aplicação, deverá rever a respectiva licença, ou contactar o desenvolvedor.

 

 

Facturação (produzidas em Portugal):

Fidelização de clientes (produzidas em Portugal):

Processamento de salários (produzidas em Portugal):

 

 

 

Contabilidade (produzidas em Portugal):

 

 

 

Stands de Automóveis:

 

 

 

Gestão de Frotas

 

 

 

Gestão de Avarias:

 

 

 

Oficinas Auto

 

 

Leia o resto deste artigo »





Mac OS X Como Sistema Operativo Convidado no Virtual Box

28 05 2010

 

Com uma ampla utilização, sobretudo no mercado doméstico, o VirtualBox, anteriormente sobre a alçada da SUN, e agora da Oracle, depois da compra da primeira por parte desta última,  é uma aplicação gratuita que pode ser instalada em vários sistemas operativos como Windows, Linux, MacOS e Solaris, e ter como sistemas operativos virtuais todos os referidos anteriormente, e outros como BSD e IBM OS/2.

 

A versão 3.2.0, recentemente disponibilizada, traz a possibilidade de instalar o Mac OS X como máquina virtual, quando o Virtual Box está instalado num Mac OS. Esta é uma novidade em absoluto, uma vez que mais nenhuma aplicação de virtualização como as da VMware e Parallels disponibilizam forma de instalar este sistema operativo como convidado (guest), pelo menos de forma directa.

 

 999

Os utilizadores do Mac OS têm agora a possibilidade de ter um segundo sistema operativo em paralelo, que pode ser utilizado para os mais diversos fins, como por exemplo para um ambiente de testes.

 

 

 

Configuração da alocação da memória para a VM

12

 

Leia o resto deste artigo »





Como Transformar uma Imagem de Disco do Acronis (*.TIB) Num Disco Rígido Virtual

19 05 2010

imageAcronis True Image, é uma aplicação da Acronis amplamente utilizada em departamentos de TI para gerir imagens de disco. A par de todas as funcionalidades existentes em aplicações do género, o Acronis True Image nas versões mais recentes tem também a possibilidade de converter uma imagem, num disco rígido virtual, para que possa ser utilizado numa máquina virtual.

 

Esta conversão directa permite que, por exemplo, depois de fazer uma imagem de disco, como parte da rotina de backup, onde o Sistema Operativo irá ser reinstalado, essa imagem possa ser directamente convertida para um formato de um determinado fabricante, como Microsoft (Virtual PC e Hyper-V), Parallels, VMware, e XenServer, por forma a criar uma máquina virtual para efeitos de testes, despistagem de problemas,  cópia de dados e configurações, etc.

 

Existem outras aplicações de outros fabricantes, que se propõem a fazer esta conversão, como o VMware Converter que é gratuito, e que para alem de converterem vários tipos de imagens para o seu formato nativo de disco rígido virtual, permitem converter uma máquina real em virtual, com nenhum tempo de down-time.

 

 

Execute o Acronis True Image.

05-01-2002 2-09-57

 

Leia o resto deste artigo »





Windows Server 2008 – Hyper-V: Problemas ao Criar Templates de Máquinas Virtuais

8 05 2010

 

image

 

 

Ao criar no Hyper-V uma Máquina Virtual Windows, para servir de template para outras máquinas virtuais, há que ter em conta alguns aspectos importantes:

 

  1. Não existe no Hyper-V, ao contrário de outras aplicações e plataformas de virtualização uma forma directa de clonar uma máquina. A forma mais fácil é, depois de instalar o SO na máquina virtual que irá servir de base a todas as outras, e eventualmente instalar alguns utilitários essenciais e efectuar algumas configurações, copiar o VHD (virtual hard disk) dessa máquina, para uma outra pasta onde irá ficar a nova máquina virtual, para que no processo de criação da nova MV possamos indicar que já temos um VHD existente que queremos utilizar.
  2. Alteração do nome do computador, no Windows, para cada nova máquina virtual criada, caso esteja previsto que ambas as máquinas possam vir coexistir na mesma rede.
  3. É necessário gerar um novo SID (security identifier), para cada nova máquina criada com base na máquina template, de modo a que todas elas fiquem com SIDs diferentes. Os SID são identificadores únicos e exclusivos de muitos objectos do Windows, como utilizadores, impressoras, pastas, grupos, etc. Segundo a documentação, a integração das máquinas numa rede, e as relações de confiança entre as mesma poderão não funcionar correctamente se existirem objectos com o mesmo SID, causando vários problemas, nomeadamente de autenticação.

 

 

Em relação ao ponto 1, não existe qualquer dificuldade. O processo passa por copiar o disco virtual (VHD) da pasta onde se encontra a máquina virtual que serve de template, para a nova pasta, onde irá ser colocada a nova máquina virtual a criar, e no antepenúltimo passo do assistente de criação de uma nova máquina, indicar o caminho do VHD.

image 

 

 

Leia o resto deste artigo »





VMware vCenter Converter – Como Converter Uma Imagem do Acronis Numa Máquina Virtual

30 04 2010

VMware vCenter Converter é uma aplicação da VMware que tem por função converter uma máquina real, ou uma imagem de um disco, numa máquina virtual. Tem ainda capacidade de converter máquinas virtuais do Microsoft VirtualPC e Parallels para os formatos nativos da VMware.

Esta aplicação vem permitir minimizar custos de implementação, migração e suporte, em organizações que tenham uma infra-estrutura de virtualização baseada em VMware.

 

image

 

No entanto, para quem trabalha em administração de sistemas, suporte-técnico, desenvolvedores de software ou mesmo para o utilizador final, a utilização do VMware vCenter Converter pode trazer muitas vantagens em algumas necessidades especificas.

 

Leia o resto deste artigo »





Windows 7 – XP Mode (XPM)

28 12 2009

image O Windows 7 trouxe uma funcionalidade nova que será muito bem vinda para quem necessita de implementar este novo sistema operativo, mas ainda tem aplicações que apenas são compatíveis com o Windows XP, quer pelo facto de o seu desenvolvimento ter sido descontinuado, ou pelos custos de actualização.

 

O XP Mode não é nada mais do que ter dentro do Windows Seven, um Windows XP virtualizado através do Windows Virtual PC (aplicação de virtualização da Microsoft, concorrente com o VMware e VirtualBox) que fica a correr “em cima” do Windows 7.

 

A diferença entre ter o XP Mode e uma máquina virtual normal, é que no XP Mode existe uma integração quase transparente para o utilizador, entre o Windows 7, e a máquina virtual com o XP. Além disso se for o utilizador a criar uma máquina virtual para o efeito com aplicações de terceiros, terá  de utilizar uma licença para o XP, ao contrário do XP Mode, que é uma funcionalidade que faz parte integrante da licença do Windows 7 Professional, Ultimate ou Enterprise, não tendo de pagar mais por isso.

 

 

 

Requisitos para poder instalar o XP Mode no Windows 7:

  • Processador com tecnologia de virtualização: Intel VT ou AMD-V.
  • Windows 7: Professional, Ultimate ou Enterprise.
  • Funcionalidades de virtualização activadas no BIOS.
  • 2 GB de memória RAM recomendada.
  • 15 GB de espaço livre em disco.

 

 

Para saber se o seu processador tem tecnologia de virtualização, instale este utilitário da Intel, ou este  no caso de processador ser AMD. Pode ainda utilizar o utilitário da Microsoft: Hardware-Assisted Virtualization Detection Tool, disponível aqui, que é comum ás duas plataformas.

image

 

Leia o resto deste artigo »








Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 353 outros seguidores