Drivers PCL e PostScript. Qual escolher?

3 12 2009

 

Uma das dúvidas mais frequentes na instalação de drivers de impressoras prende-se com o facto de para o mesmo modelo poderem existir vários tipos.

Basicamente quando mandamos imprimir um qualquer documento, ele não é enviado de forma directa para a impressora. Esse documento é convertido numa das linguagens que a impressora entende. PCL e PostScript são as duas linguagens mais utilizadas pela industria, podendo ser consideradas standards de mercado.

Embora possa parecer indiferente para o utilizador final, existem alguns aspectos a ter em conta no momento de comprar uma impressora, ou instalar o driver da mesma. Em cada uma das linguagens, existem quer vantagens quer desvantagens, uma vez que todas têm propósitos diferentes.

 

image 

Exemplo: Drivers disponibilizados para uma HP Color LaserJet CP2020 Printer.

De uma forma geral, e em caso de dúvida deverá ser utilizado o driver PCL na instalação de qualquer impressora.  Podem coexistir no mesmo sistema vários drivers para a mesma impressora.

 

 

PCL

PCL (Printer Command Language), foi desenvolvida pela HP com o objectivo de que as aplicações pudessem controlar dispositivos de impressão. Rapidamente esta tecnologia foi adoptada por todos os fabricantes, e hoje é a linguagem mais utilizada.

Ao contrário da PostScript é dependente da impressora, ou seja, os drivers utilizam o firmware da impressora para recrear algumas áreas de impressão. Existem várias versões PCL, sendo que a última é a versão 6.

 

Melhor em:

  • Utilização no dia-a-dia em documentos de texto e escritório.
  • Utilização em ambientes totalmente Windows.

 

Vantagens:

  • Processamento mais rápido da impressão.
  • Suportada por vários Sistemas Operativos e aplicações. É recomendada a utilização do PCL em ambientes totalmente Windows.

 

Desvantagens:

  • O mesmo trabalho poderá ter ligeiras diferenças entre modelos diferentes de impressoras.
  • Não é tão bem suportado em ambiente Mac.

 

Mais informação sobre a linguagem PCL na Wikipedia.

 

 
PostScript

Esta linguagem foi desenvolvida pela Adobe e é maioritariamente utilizada em plataformas Macintosh, assim como em aplicações de multimédia de outras plataformas. É orientada para gráficos.

Uma vez que a linguagem PostScript é independente da impressora, isto significa que o que vai sair é sempre igual, independentemente da marca e modelo que é utilizada.

Melhor em:

  • Documentos PDF, imagens detalhadas, e impressão com origem em aplicações gráficas  como Adobe Illustrator ou Photoshop.

 

Vantagens:

  • Objectos gráficos são muitas vezes mais detalhados em comparação com o PCL.
  • O resultado da impressão é idêntico em todos os dispositivos de impressão.

 

Desvantagens:

  • Processamento poderá ser mais lento.
  • Maior utilização de memória e recursos de processamento.

 

Mais informação sobre a linguagem PostScript na Wikipedia.

 

 

 

 

 

 

Mais informação sobre linguagens de impressão em:

HP, OKI


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: