Valida frequentemente os movimentos na sua conta bancária? Devia…

6 10 2018

Recentemente, numa compra num hipermercado, apesar do valor a pagar ser de cerca de 3 Euros, efetuei o pagamento através de cartão de débito porque não tinha numerário suficiente. Algumas horas mais tarde reparei que o valor que paguei tinha sido retirado da minha conta duas vezes, em dois movimentos diferentes. Contactei o meu Banco através da linha de apoio, onde me informaram que teria que tratar este assunto diretamente com o comerciante em causa.

 

Santander NetBanco - Google Chrome 2018-10-05 17.27.05

 

Aparentemente a origem do problema estaria na empresa que efetuou o débito ou na entidade que processa o pagamento e não “do lado” do Banco. No dia seguinte reparei que foi feito um movimento inverso do valor que foi cobrado indevidamente, ou seja, foi-me creditado o valor de 3,09 Euros. Sem eu ter que tratar do assunto com o hipermercado, o problema foi resolvido porque certamente existirá algum automatismo que deteta estas situações e regulariza-as automaticamente. Mas, se também este automatismo falhar? Nenhum sistema, por mais avançado e testado que seja, é imune a falhas.

 

Muito provavelmente o que aconteceu com o valor de 3,09 EUR poderia muito bem ter acontecido num pagamento de valor superior.

 

Resultado de imagem para bank statement

 

Apesar de já ter tido contas em vários Bancos, o Santander Totta é o Banco que mais utilizei no passado e que utilizo atualmente, onde faço quase toda a gestão do meu dinheiro. Esta não foi a única situação em que existiu um débito indevido na minha conta. Lembro-me que existiu há vários anos anos uma outra situação, em que o mesmo pagamento foi debitado 2 vezes. Naquele caso o Banco contactou-me telefonicamente para esclarecer que se tratava de um erro e fizeram a reposição do valor. Mais recentemente existiu um outro problema com o débito de comissões de um cartão de crédito, em que estavam a ser debitados valores indevidos. Após a persistência da minha parte para o Banco dar uma resposta, uma vez que tardava em chegar, foi-me dada razão e a questão foi regularizada.

 

É fácil de perceber que muitas das pessoas, por simples distração, desinteresse, falta de tempo ou outro qualquer motivo, não analisam os movimentos nas suas contas, principalmente os de menor montante. Esta situação é ainda mais usual quando estamos a falar muitas operações efetuadas na conta. Por esse motivo podem estar a ser prejudicadas por erros de terceiros, nomeadamente de entidades bancárias, mas também podem ser alvo de fraudes ou situações abusivas.

 

Neste artigo pretendo sugerir alguns cuidados a ter para reduzir o risco de débitos indevidos, assim como mitigar fraudes com pagamentos.

 

 

Ative alertas por SMS e email a cada débito/crédito na conta

Neste exemplo configurei um alerta para ser notificado por SMS e email sempre que for efetuado um débito na minha conta principal, superior a 0 EUR, ou seja, sempre.

Santander NetBanco - Google Chrome 2018-10-05 12.11.08

É possível definir o horário em que são comunicados os alertas. Neste caso defini que apenas pretendo receber alertas entre as 09:00 e as 23:59. Alertas entre as 23:59 e as 09:00 ficam pendentes e são entregues de uma só vez às 09:00.

 

 

 

Utilize um gestor de finanças pessoais, como o Boonzi por exemplo

O Boonzi, desenvolvido em Portugal, é um sistema de gestão de finanças pessoais, disponível para smartphone, tablet e computador (Windows e macOS) que permite criar as várias contas que utilizados (bancárias, carteira, investimentos, empréstimos, créditos, etc.) e registar todos os movimentos. Permite ainda registar agendamento de movimentos, criar orçamentos mensais e analisar desvios, etc..

Boonzi - MyMoney.bon 2018-10-05 13.15.45

Ao registar todas as transações num gestor de finanças pessoais, no mesmo momento em que estas se realizam, constactará que o processo de validação é muito simplificado. Este processo de validação das transações, mais conhecido por reconciliação bancária, permite marcar cada transação no Boonzi, através de uma opção existente para o efeito, sempre que ela for validada pelo utilizador. É neste processo que se podem identificar movimentos não programados, indevidos, ou que não conseguimos identificar. Esta operação deve ser realizada frequentemente, conforme o numero de movimentos de cada conta.

Por exemplo, se hoje registar no Boonzi um pagamento através do Multibanco, colocando o nome da empresa à qual efetuei um pagamento e eventualmente uma descrição, quando for analisar o extrato bancário alguns dias ou semanas depois, certamente será muito mais fácil perceber a que se refere aquele movimento. Isto nas situações em que o mesmo movimento não tem uma descrição “amigável” que identifique o movimento no site do Banco ou no Multibanco. Esta situação ocorre com muita frequência, principalmente em compras ou pagamento de serviços efetuados fora de Portugal. Muitas das vezes a descrição do movimento é apenas “COMPRA ESTRANG”. Neste caso, se não tivermos registado o movimento na aplicação de controlo de finanças pessoais, poderá ser necessário contactar a entidade bancária para obter mais informações sobre o movimento (no caso do Santander Totta basta falar com um operador através do chat). Por razões que desconheço parte das informações de cada movimento não são visíveis para o cliente.

 

 

 

Ative mecanismos de segurança para acesso à sua conta e para a movimentação de fundos e outras operações criticas

Neste exemplo, sempre que pretender efetuar um pagamento, ou outras operações, a operação só fica efetivada sempre que introduzir no site do Banco um código que recebo via SMS. Isto permite que, se alguém conseguir o acesso à minha conta, não conseguirá movimentar fundos porque não irá receber o SMS com o código de assinatura. Outras entidades bancárias utilizam sistemas de cartões matriz, menos práticos na minha opinião.

Santander NetBanco - Google Chrome 2018-10-05 12.15.52

 

 

 

Instale a aplicação do seu Banco para ter um acesso mais imediato às suas contas e acompanhar mais de perto as suas movimentações

Atualmente qualquer Banco digno desse nome tem uma App para smartphone. Através destas Apps poderá efetuar muitas as operações que efetua no site do Banco, Multibanco e no balcão, de forma rápida, segura e essencialmente mais prática.

Image-1

 

 

 

Restrinja a utilização dos seus cartões

Para além das transações em que é necessário apresentar o cartão físico num terminal de pagamentos, o Santander Totta (não sei se outros Bancos permitem esta configuração) possibilita que o utilizador permita ou negue a utilização dos seus cartões em compras através da Internet, mas também a permissão de utilização do cartão por países ou por zonas (Europa, África, América do Norte, Ásia, etc.). Se tiver conta em outros Bancos e se achar que faz sentido, valide se também é possível restringir a utilização de cartões a este nível.

Se possuir um cartão com tecnologia contactless, saiba que é possível desativar esta funcionalidade, de modo que todas as transações sejam finalizadas com a inserção do PIN. Esta alteração é efetuada pelo emitente do cartão (Bancos ou outras entidades financeiras), após solicitação do cliente.

IMG_4155

 

 

 

Monitorize os Débitos Diretos periodicamente e defina limites em valor e em data

O sistema de Débitos Diretos é ótimo porque permite automatizar os pagamentos que fazemos regularmente, como da água, eletricidade e gás, telecomunicações, créditos, entre outros. Contudo, apesar de este sistema ser muito prático, é importante garantir que tudo funciona corretamente e não existem débitos indevidos ou abusivos. Frequentemente deve validar a lista de todas as autorizações de débitos diretos e o seu estado, isto é, se estão ativos, cancelados ou inativos.

Santander NetBanco - Google Chrome 2018-10-05 12.19.00

Adicionalmente, para cada autorização, poderá definir um limite em valor. É uma segurança extra. Neste exemplo configurei o débito direto da EDP com um limite em valor de 200 Euros, que é o valor que considero que nunca será atingido dados os consumos médios anteriores em minha casa. No caso da EDP, a fatura é enviada mensalmente, muito antes do débito direto. Ainda que o valor da fatura esteja correto, não significa que não possa existir um erro no débito direto. Neste caso, se o valor for superior a 200 Euros, o Banco irá recusar o pagamento. Se o valor for eventualmente superior e eu considerar que está correto, tenho tempo de alterar o limite em valor para que o débito não seja recusado.

É também possível configurar uma data de fim para esta autorização.

Santander NetBanco - Google Chrome 2018-10-05 16.53.06

Estas operações sobre o sistema de Débito Direto podem ser efetuadas no e-banking, mas também no Multibanco e ao balcão das entidades bancárias.

 

 

 

Quanto mais cedo identificar um movimento bancário incorreto, fraudulento ou indevido, mais cedo poderá agir. Os erros dos Bancos também podem “prescrever”, daí que deva consultar os movimentos em tempo “útil” sob pena de perder os seus direitos. A reclamação relativamente a um determinado movimento tem normalmente um prazo para ser efetuada.

Os Bancos têm sistemas anti-fraude, seguros que cobrem a utilização de cartões em caso de utilização fraudulenta, roubo ou extravio. Se detetar alguma situação anómala reporte essa situação à entidade bancária o mais rápido possível. Em determinadas circunstâncias a entidade bancária poderá restituir as quantias em causa.

Apesar de toda a tecnologia e segurança implementada pelas entidades bancárias, é importante ter sempre presente as regras básicas de segurança. O seguinte guia, da Associação Portuguesa de Bancos (APB), reúne algumas das mais importantes regras essenciais a adotar na utilização do smartphone, tablet e computador, no acesso ao seu Banco online, realização de operações bancárias e compras online.

Untitled

 

 

 

Páginas relacionadas:

DECO – Débitos diretos: vigie a sua conta

PPLWARE – Débitos diretos: Cuidado com o que anda a pagar

CONTAS POUPANÇA – Débito direto: não deixe que lhe tirem centenas de euros da conta

Segurança na Internet – Boas Práticas

Santander Totta – Informações de Segurança

Boonzi – Já encontrou transacções “misteriosas” na sua conta bancária?

Banco de Portugal – Cartões contactless. Sete informações que deve ter em conta.

BPI – Regras de Segurança

Anúncios

Ações

Informação

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: