Windows-Mensagem de erro ao conectar a um servidor de terminais

20 02 2012

 

Em determinadas circunstâncias poderá receber o seguinte erro ao fazer uma conexão a um servidor de terminais RDP (Remote Desktop Protocol):

 

111

 

"A sessão remota foi desligada porque não existem licenças de acesso de cliente do ‘Servidor de terminais’ disponíveis para este computador. Contate o administrador do servidor."

"The remote session was disconnected because there are no ‘Terminal server’ client access licenses available for this computer. Please contact the server administrator."

Leia o resto deste artigo »

Anúncios




Instalar Aplicações num Servidor de Terminais Microsoft

17 01 2010

A instalação de software num servidor de terminais Windows configurado no modo Servidor de Aplicações requer um modo especial para que a instalação e utilização por vários utilizadores seja feita com sucesso. O sistema operativo necessita de fazer algumas alterações ao sistema para activar o acesso de vários utilizadores/ instancias às aplicações instaladas.

 

Existem duas formas para alternar entre o modo Instalação e o modo Execução. O processo pode ser automático quando utilizado o Adicionar ou remover programas, ou manualmente através da linha de comandos. Na linha de comandos, tal como o nome indica, só deve ser activado o modo Instalação no momento da instalação do software, e logo de seguida voltar a colocar o servidor em modo Execução.

 

A primeira forma é não executar o instalador (setup) da aplicação a instalar. Ao invés disso devemos iniciar o processo pelo “Adicionar ou remover programas” no painel de controlo, acedendo depois à opção de “Adicionar novos programas” e indicando o caminho do ficheiro de instalação que ao contrário do que o botão indica, também poderá estar nos próprios discos ou em outros meios de armazenamento do servidor.

image

 

Leia o resto deste artigo »





Como alterar a porta do Terminal Server do Windows

30 07 2009

image Por defeito a porta associada ás comunicações dos Serviços de Terminal é a 3389. Em algumas circunstancias poderá ser útil alterar a mesma.

 

Uma das razões para essa alteração é uma melhoria na segurança, já que não utilizando a porta standard, o servidor deixa de ser identificado, e automaticamente deixa de ser um alvo fácil de port scanns, ou outro software normalmente malicioso, que poderá ter como objectivo tentar fazer login no sistema fazendo um ataque de dicionário, ou seja, tentando nomes de utilizador e passwords mais comuns.

 

Outra situação em que poderá ser útil alterar a porta do TS é quando temos mais do que um servidor de terminais na mesma rede, atrás de uma router a fazer NAT, só com um IP público. Ao aceder ao servidor do exterior da rede, utilizando o IP público, seria impossível o router, ou dispositivo de reencaminhamento de tráfego, saber se queremos aceder ao servidor A ou B, uma vez que ambos teriam a mesma porta.

 

Leia o resto deste artigo »








%d bloggers like this: