Software de gestão: a transformação de um produto em serviço e o impacto na Contabilidade

20 12 2016

Um artigo muito interessante sobre a evolução da industria do software de gestão…

 

Fonte: Toconline

 

Artigo na revista Contabilista de Novembro 2016

image

 

Os produtos em DOS:

A grande massificação da utilização do software de gestão empresarial ocorreu nas décadas de 80 e 90, com a banalização da micro informática e a utilização de redes locais com maior fiabilidade, que passaram a permitir o trabalho colaborativo. Os sistemas eram na sua generalidade pouco integrados e os documentos chegavam quase na sua totalidade aos escritórios de contabilidade em papel para serem processados manualmente. Os operadores realizavam quase a totalidade das operações recorrendo apenas ao teclado do computador, a utilização do rato neste tipo de interfaces era quase residual.  

 

 

O aparecimento do Windows:

A primeira grande transformação da forma de trabalho com o software de gestão empresarial surge com a possibilidade de utilização do rato e a mudança do sistema operativo DOS para Windows na década de 90. Esta mudança de sistema operativo tornou possível a utilização de ambientes gráficos de maior resolução, acabando definitivamente com a limitação da conhecida matriz 80×25.

Esta grande transformação, criou uma oportunidade para novas empresas entrarem no mercado com produtos de software de gestão mais apelativos e fáceis utilizar. Os novos produtos, representavam também relatórios impressos de maior qualidade gráfica e um aspeto bastante mais profissional. Alguns dos produtores, com a inércia normal da atividade demoraram a reagir, e perderam terreno, abrindo oportunidades para o aparecimento de novas empresas no mercado.

Leia o resto deste artigo »





Ordem dos Contabilistas perde para fabricantes de software

2 08 2016

Fonte: www.computerworld.com.pt

Um tribunal de Lisboa obriga a organização a revelar o processo de decisão de fornecimento do software TOConline e AFE. O caso está a ser acompanhado por comissão parlamentar.

 

 image
 

O Tribunal Administrativo de Lisboa obrigou a Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC) a conceder as informações a um grupo de 28 fabricantes de software de gestão, sobre o processo de decisão de fornecer aos membros da organização profissional o software TOConline e AFE. Estes foram desenvolvidos pela OCC, mas os fabricante alegam que ela está legalmente impedida de comercializar produtos.

Leia o resto deste artigo »





Finanças bloqueiam software de faturação do Grupo PIE por fuga ao fisco

1 08 2016

Fonte: http://tek.sapo.pt

 

A Autoridade Tributária comunicou que revogou a licença dos programas de faturação “CR Mais” e “WinPlus”, depois de ter identificado um mecanismo que permitia eliminar as faturas já emitidas.

 

image

Leia o resto deste artigo »





PingWin-Hotel

11 07 2016

O PingWin, desenvolvido pelo GrupoPIE, pode assumir diversas “personalidades”, conforme a área de negócio e respetivas especificidades onde a aplicação está a ser utilizada (sapatarias, talhos, mini mercados, etc.). Uma dessas personalidades é a “Hotel” que permite que a aplicação possa tratar as especificidades deste sector, nomeadamente a gestão de reservas, processos de check-in e check-out, tabelas de preços, exportação de dados para o SEF, etc..

 

image

 

Esta aplicação está direcionada para unidades hoteleiras de pequena dimensão. Uma das suas vantagens reside na simplicidade  e rapidez da implementação, assim como no facto de a curva de aprendizagem ser baixa, o que permite por norma custos mais reduzidos neste tipo de projetos de implementação.

Baseado no prestigiado e reconhecido WinRest, a aplicação poderá ser utilizada recorrendo exclusivamente interface touchscreen, muito comum nos sistemas POS. Outra das vantagens são os baixos requisitos de processamento, assim como a compatibilidade do PingWin com vários sistemas operativos.

 

 

Download de versão de Demonstração do PingWin

(password: invisibleflamelight.wordpress.com)

 

 

Página do Produto:

http://www.grupopie.com/hotelaria/#

 

 

Algumas imagens do PingWin Hotel

Ecrã inicial

image

 

 

Acerca de

image

 

 

Selecção de Personalidades

image

 

 

Tabela de Quartos

image

 

 

Registo de reserva

image

 

 

Impressão de Reserva

image

 

 

Resumo de disponibilidades

image

Leia o resto deste artigo »





InvoiceXpress-Análise

11 02 2016

 

imageExistente desde 2010, o InvoiceXpress, desenvolvido pela empresa RUPEAL é um software de faturação online, certificado pela AT, made in Portugal. Com planos mensais a partir de 5 Euros + IVA, esta aplicação está assente no modelo SaaS (Software as a Service), o que significa que não existem contratos de permanência ou fidelização. Simplesmente o utilizador tem de pagar determinado valor, com determinada periodicidade, para que o serviço se mantenha ativo.

 

Orientado para o mercado alvo das empresas prestadoras de serviços, freelancers, profissionais liberais, e integração com lojas online, o InvoiceXpress prima pela simplicidade e pelo baixo custo. Tudo o que necessita é de uma ligação à Internet e de um navegador. Não tem de se preocupar com a atualização da aplicação seja para resolução de anomalias ou por obrigações fiscais, infra-estrutura, cópias de segurança, suporte. Tudo isto é da responsabilidade do prestador do serviço, o que significa menos complexidade e menos custos.

 

image

 

O utilizador tem de escolher 1 dos 3 planos para poder subscrever o serviço. O valor é variável, tendo em conta as funcionalidades e limitações de cada plano. O pagamento de 12 ou 24 meses concede um desconto relativamente ao preço base, de 16% e 33% respetivamente.

 

O InvoiceXpress responde a vários requisitos e especificidades do mercado português, como a comunicação de documentos via SAF-T PT ou automática, regime de IVA Geral e IVA de Caixa, motivos de isenção de IVA, certificação de software atribuído pela Autoridade Tributária e Aduaneira (número 192), retenção na fonte, comunicação de documentos de transporte. Mais recentemente o InvoiceXpress passou a estar disponível para o mercado moçambicano, sendo o primeiro software de faturação certificado pela Autoridade Tributária de Moçambique.

 

 

Planos de preços

image

Poderá testar o InvoiceXpress durante 30 dias, antes de subscrever um dos planos, o que permite avaliar convenientemente a aplicação.

 

 

 

Algumas imagens e funcionalidades do InvoiceXpress

Ambiente de trabalho do InvoiceXpress.

image

A aplicação permite registar diversos tipos de documentos, como faturas e outros documentos de faturação, orçamentos, guias de transporte e encomendas. O procedimento de registo é semelhante para todos os documentos.

 

 

Registo de novo documento e escolha do cliente.

image

Detalhes do documento e itens (artigos).

image

 

 

Layout de documento de venda.

image

 

 

Registo e edição de Contactos (clientes ou potenciais clientes).

image

 

Leia o resto deste artigo »





Restaurantes alvo de buscas em Operação “Gourmet”

27 01 2016

Fonte: http://economico.sapo.pt

 

A Procuradoria Geral da República (PGR) confirmou hoje a realização de buscas, no âmbito de um inquérito dirigido pelo Ministério Público, em investigação no Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), a 18 restaurantes localizados nas zonas de Lisboa, Porto, Aveiro e Faro. Em causa estão “suspeitas da prática de crimes de burla tributária, fraude fiscal e falsidade informática”.

 

Header_Integrations_POS

 

A investigação, segundo comunicado da PGR, está relacionada “com suspeitas de que estes restaurantes se encontrem a utilizar software informático que permite aos proprietários dos estabelecimentos omitir valores de facturação” e implicou igualmente buscas na empresa que produz o programa informático utilizado pelos restaurantes.

Leia o resto deste artigo »





Primavera Pssst e Tlim–Códigos de ativação

3 09 2015

 

Algumas funcionalidades e configurações do Primavera Pssst e Tlim são ativadas através da introdução de códigos, diretamente no ambiente de trabalho da aplicação.

 

ps01

 

Leia o resto deste artigo »








%d bloggers like this: